sábado, 28 de março de 2009

Sonho devasso

“Brisa,
Flor,
Jasmim,
Anjo,
Sonho,
Encanto,
Linda,
Doce,
Menina,
Pimenta,
Vida,
Alma.”
Mulher insinuante, envolvente, quente.
Depravada que goza e gosta de poesias de rosas.
Onde a rosa não grita é emudecida. Muda
Almeja que seja desnuda
Agarrada, usada, despetalada,
degustada, cheirada, beijada,
jogada e coberta sobre a cama,
pelos nossos cáusticos corpos
que se entrelaçam uma
lúbrica coreografia
de desejo e volúpia.

Edson Carvalho Miranda
28-03-2009

3 comentários:

Alessandra disse...

Linda, envolvente e terrivelmente excitante!!!
Parabéns meu amor!
Beijos

Anônimo disse...

Almejo sim que vc me desnude, me agarre e me coma com todo o desejo que rega as nossas vidas dentro e fora da cama.Usa-me sempre! Seu amor pra mim é tudo. Adoro me despir pra você. Adoro nos ver no espelho dos tantos quartos de motel pelos quais já passamos. Ver o seu olhar me degustando é maravilhoso!Quero continuar sendo sua flor, sua linda... a devassa que te engole e aperta na umidade e quentura do meu côncavo. Não me deixe nunca, por favor! E a respeito do que virá... deixa eu saber pra ver o que acontece! Sabe do que estou falando(msn). Amo você!

Jenny Faulstich disse...

"Sonho", Coração???!!!!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
entaum ACORDAAAA MANÉEEEEEEE!!!
desculpe, perco o amigo, mas a piada... rssssssssss
bjus e fike bem...
sempre ctg!
Jenny