sexta-feira, 12 de junho de 2009

Surpresa do dia dos namorados

Seu olhar!

Penetrou não só na minha íris;

E sim como o gracejo do seu sorriso

a sedução de sua dança.

Me vejo no paraíso!

Livre como a folha solta, leve como vôo de um colibri,

desejando que aquele pequeno e singelo momento

jamais tivesse fim,

que nossos corpos ficassem ali, quietos, inertes!

E nossas almas viajando por dimensões e sensações

desconhecidas para nossos cálidos corpos,

que com magnetismo e gracejo

tornaram inesquecível e inevitável

aquele desejado e esperado

toque de lábios.

O toque que chamamos de primeiro beijo.


Edson Carvalho Miranda
(12-06-2009)

2 comentários:

Alessandra disse...

Quando me olhar, procure ver-me não do jeito que sou, olhe mais fundo,
dentro dos meus olhos até chegar à minha alma, é lá que eu estou,
é lá que eu me escondo, só à espera de alguém que me descubra, que consiga me trazer à tona e, assim, me amar do jeito que sou.

Alessandra

Anônimo disse...

Como sempre especial, é bom lembrarmos de quem amamos.