quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

PALAVRAS


Oh! Meu amor, hoje ao despertar para um novo dia
senti a necessidade de escrever esta poesia...
Poesia? Talvez nem seja, mas tão somente meus
sentimentos jogados alí tal qual palavras ao vento.
Ouça amor, as batidas do meu coração,
sinta a angústia que nele ficou,
abrace-me e sinta as lágrimas que não verti
e que agora caem sobre ti,
mas não diga nada, apenas ouça
deixe eu sentir o calor dos teus braços
as carícias nos meus cabelos
e o teu amor por mim!
Só assim eu serei feliz...
Venha amor, me dê o teu coração!

Alessandra

3 comentários:

Anônimo disse...

Adoraria que dissesse isso para mim...

Mulato disse...

Soy de Salta Argentina, me gusta como escribis. Un Saludo

Alessandra disse...

Gracias Mulato por tus palavras!
Un saludo a ti tambíen e vuelva siempre.